sexta-feira, 21 de agosto de 2009

castelos

castelos

(mário liz)

bendita a surdez seletiva. a cegueira seletiva. a amnésia seletiva. ainda que todas sejam engarrafadas com seus 12, 18, 24 anos. bendito seja o ópio em forma de som. em forma de reza. o ópio em poesia. bendita seja a fuga. o escape. a evasão. o país dos baralhos. a terra do nunca. o sítio do pica-pau amarelo. o rio de janeiro lindo. a américa de oportunidades. bendita seja nossa senhora aparecida que nunca apareceu pra mim. as convenções acerca das mazelas do mundo... regadas à cabernet. caviar. black tie. abraços. aperto de mão. tapinha nas costas. G4. G8. Gzus! quanto G. bendito seja o ponto G que elas têm, se é que elas têm. a lenda do príncipe encantado. o homem gentil. sutil. que não liga pra sexo. que só quer carinho. bendita seja a fêmea que não ama dinheiro. que não gosta do fútil. do fácil. do champagne. da lua-de-mel. terra-de-mel. marte-de-mel. e todo sistema solar. haja abelha pra tanto mel. haja pedra, à quem nunca jogou a primeira pedra. haja pedro pra tanto papa. bento. joão paulo. leão. cordeiros com dentes de lobo. desordeiros dos 10 mandamentos. não cobiçais a mulher do vizinho. mude pra outro quarteirão e a cobice. não matarás. apenas dê a corda. o ticket-suicídio. a ressocialização no presídio. a carta ao leitor. prezado leitor. quem dera a vida fosse um cinema. e entre tramas e traumas a dor sucumbisse ao relaxo. e ao gozo. caro leitor: vida não é cinema. por-ímãs não são poemas. e acredite: você está no circo... o Bozo chegou!

12 comentários:

Mili Szi disse...

sem palavras pra descrever o que sinto ao ler seus maravilhosos poemas!

Lika disse...

Poema muito, muito bom.. Gosto muito da linha que você segue nos poemas e como liga uma frase à anterior =]
Parabéns mais uma vez!

ju disse...

clap clap clap!!! concordo com absolutamente tudo. e te admiro poeta!! :)

Carol só Carol disse...

A vida é uma mentira que ninguém gosta de revelar...É sempre mais fácil acreditar nela!!

Adorei poeta!!Me caiu como um protesto, mas contra quem?! Contra mim?! Acho que contra todos...

Ah eu tenho medo do Bozo...rs!

Bjus

Çayuri Haicai disse...

- Garçom, um antiácido, por favor. (rs...)

* Muito bom!

PS.: Eu te amo.

gaijin dame disse...

'ride palhaço'... continue pobre poeta... continue com suas linhas que seguem... e se perdem... mas saiba que tua dor é falsa... nem seus filhos multiracias lhe mostrarão a verdade... vou rir de tudo depois

Andréa Balsan disse...

aí vc fala sobr td... os problemas do mundo bem relacionados entre si em uma poesia com gosto de crônica...
me lembrei de jabor...
me lembrei de pedro bial...
meu caro publicitário e advogado, vc é o poeta mais jornalista que existe....
beijos

Débora Lemos disse...

Mui belo, assim como as coisas boas da vida!!! Vinde aos ventos remotos e buscai a luz e inteligência deixada para trás...

Bjs*

renata disse...

Sub vida a nossa!!

PARABENS!!!!!

Sour Girl disse...

"a vida é uma ópera"
e os castelos construidos em cima de verdadeiras mentiras,mandamentos desordenados..história não detalhada....talhada por todas as gerações....
de tão lapidada não se sabe se é a história,ou uma história da história!
viva o mundo como ele é!
hehe não da p escolher um poema seu como "o q eu mais curti" haha vc eh mto bom!

Thamíris Dias disse...

Fazia tempo que não lia Mala Liz...
sempre supreendente!
saudade!

Elisa disse...

Eita, eita poeta! Phoddegas, adoro seus verso! Muito!
!

Quem sou eu

Minha foto
Pouso Alegre, Minas Gerais -, Brazil
Redator Publicitário e Planejamento Estratégico da Cartoon Publicidade, graduado em Publicidade e Propaganda pela UNIVAS. Bacharel em Direito, graduado pela Faculdade de Direito do Sul de Minas. Roteirista do projeto multimídia E-URBANO1 e E-URBANO2, pela UNIVAS E UNICAMP. Ganhador do concurso nacional de redação de 2006 (MEC E FOLHA DIRIGIDA-RJ), onde superou mais de 37.000 concorrentes. Ganhador do Concurso de Redação da UFSCAR, em 2006. Colaborador da Revista Reuni. Tem publicações na revista científica RUA (UNICAMP) e no LIVRO DIGITAL DE 2011 (UNICAMP).